Fale conosco
06/07/2022 - Suporte

O ambiente de T.I, há pouco visto como uma área de suporte à empresa, é, agora mais do que nunca, um setor que anda paralelamente ao crescimento da empresa.

Por isso, o T.I vem se tornando um setor cada vez mais estratégico, adotando novas tecnologias e práticas que corroboram na progressão da empresa como um todo.

Com isso em mente, é papel fundamental do gestor de T.I saber administrar e aplicar as estratégias utilizadas neste setor, além de aplicar práticas de gestão funcionais e eficientes

Quer saber como isso ocorre? Continue com a gente para conhecer os 4 pilares para um bom funcionamento do ambiente de T.I, além de boas práticas para promover uma melhor gestão desse setor.

Boa leitura!

Os 4 pilares de um ambiente de T.I

Antes de conhecer as boas práticas para uma gestão de T.I melhorada, vale destacar os pilares fundamentais para que este setor seja ao menos funcional e eficiente.

Segundo a ITIL (Information Technology Infrastructure Library), há 4 pontos essenciais que permeiam uma gestão padronizada e eficiente do setor de T.I.

Vejamos:

Organização de pessoas:

É essencial conhecer e saber utilizar as competências e qualidades de cada colaborador da empresa, além de aplicar técnicas de comunicação eficientes para com este pessoal;

Informação e Tecnologia:

Faz-se atividade necessária do gestor de T.I garantir ferramentas tecnológicas eficientes para os funcionários, além de estar sempre informado do mercado atual de ferramentas e técnicas;

Parceiros e Fornecedores:

Neste tópico, visa destacar a importância de relação da empresa com possíveis colaboradores, sabendo inseri-los nos projetos internos e a manutenção de um relacionamento produtivo;

Processos e Fluxo de valor:

É importante, também, saber criar valor entre as diferentes áreas dentro da empresa, ampliando e alinhando os processos por meio de serviços e produtos.

A importância do planejamento de gestão

Agora que você conhece os 4 princípios essenciais para uma boa gestão de T.I, é necessária a elaboração de um planejamento geral de gestão para que seja possível executá-la da melhor maneira possível!

Nessa fase, o gestor deve estabelecer normas primordiais que conduzirão todo o trabalho do T.I, conferindo aos funcionários um padrão de comportamento e execução de projeto.

Assim, definir os objetivos principais da empresa a priori de qualquer processo e tarefa é fundamental.

Atente-se à comunicação

Outro ponto essencial para uma boa gestão do ambiente de T.I é a comunicação, que se torna ponto chave quando se tem em vista um setor cada vez mais estratégico.

A comunicação eficiente é responsável por facilitar reuniões de análise de relatórios, colaborar para um trabalho em equipe eficiente e, é claro, promover um ambiente de trabalho mais produtivo.

Alinhe-se às novas tecnologias

É intuitivo e certo pensar que num setor que tem como ferramenta principal a tecnologia deve-se investir em tal de modo considerável para que o trabalho seja eficiente.

Aparelhos sempre em manutenção e atualização é essencial, além da utilização de softwares de gestão de pessoas, que vem se tornando uma ferramenta essencial em qualquer empresa.

Métricas e indicadores de desempenho das equipes

Por fim, para analisar o desempenho do setor, o gestor deve ter sempre em mente a utilização de indicadores de desempenho para analisar pontos fortes da equipe e pontos a melhorar.

Ficou com alguma dúvida ou quer mais informações? Entre em contato conosco.